VAMOS CONVERSAR?

Agende seu consulta

47 99723-1101

WhatsApp-psicologa.jpg

​MÍDIAS SOCIAIS:

  • Facebook
  • Instagram

LINKS DO SITE

CONSULTÓRIO:

©2018 by Vivi Navarro. Todos direitos reservados.

Mindfulness, atenção plena e a bondade-amorosa

October 17, 2018

 

 

Em Mindfulness trabalhamos com o conceito de bondade amorosa. E quando falamos em bondade, o que vem à cabeça da maioria é ajudar alguém necessitado, realizar grandes feitos

, dar comida a um morador de rua, doar dinheiro para uma instituição de cuidado de animais e assim por diante. Isso é nobre e certamente de grande ajuda, mas o conceito de bondade que trabalhamos em Mindfulness vai um pouco além.

 

Estou falando de ser solidário com alguém que talvez não esteja em uma situação social precária. Muitas pessoas são carentes de afeto, atenção, cuidado. E não estou falando de crianças lá na África ou famílias pobres no Nordeste. Estou falando daquele familiar que você não fala há anos e que talvez tenha saudade de ouvir sua voz.

 

Daquele irmão ou primo que a vida se encarregou de distanciar em função de desentendimentos, conversas mal resolvidas. Daquela tia ou aquela avó que passa os dias sozinha e que tem vontade de conversar com alguém só para dizer como foi o seu dia. Um amigo que precisa de um abraço. O comerciante da sua rua que ficaria feliz com o seu “bom dia” ou mesmo aquele elogio bacana que motiva sua faxineira que cuida da sua casa. Gente que está aí, bem pertinho de você e que talvez você nunca disse o quanto ela é importante na sua vida, e de como a sua presença te deixa feliz.

 

Durante sua rotina, você consegue parar por uns instantes e perceber as pessoas que fazem parte dela? Queria te convidar para prestar mais atenção à quem convive contigo. Olhe para o lado: como está essa pessoa? Ela aparenta estar triste, exausta ou precisando de uma palavra amiga? Hoje ela parece um pouco diferente do habitual? E se você simplesmente perguntasse se ela precisa de algo? Sim, uma atitude tão pequena muitas vezes muita a trajetória de um dia que parece meio “chato” para alguém. É tão bom quando alguém parece se preocupar e cuidar de nós, não é verdade? Pois bem, os outros sentem isso também.  E vou te contar uma coisa: a bondade amorosa é meio contagiante sabia? Você passa adiante e acaba se "contaminando", gerando reações adversas como paz, tranquilidade e sensação de satisfação. Então atenção: Use sem moderação.

Please reload

Our Recent Posts

Corajosa eu?

23/10/2018

Estresse e dor crônica: a ansiedade disfarçada de perfeccionismo

23/10/2018

Pensamento à mil

18/10/2018

1/1
Please reload

Tags

Please reload